sábado, 30 de janeiro de 2010

Coisas que os homens gostam! - Manual para mulheres

Aew cambaaaaaaaaaaaaaaaaaada!!!

Há um tempo atrás, fiz esse post e que, para minha (parcial) surpresa acabou se tornando o mais visto aqui no blog, tendo mais visualizações que a home.

...

Também acho bizarro.

...

Enfim, já que fez tanto "sucesso", nada mais justo do que fazer a segunda parte dele:

Coisas que os homens gostam! - Manual para mulheres

Assim como no outro post, generalizarei para facilitar minha vida.

Simbora!


Futebol

Mais clichê que isso só uma (UMA!) coisa...

Futebol é o esporte mais conhecido e praticado no mundo todo e é o único que "para" o mundo de quatro em quatro anos, o que não quer dizer que as aulas sejam canceladas.

Pessoalmente, não gosto de futebol: torço para a Seleção por ser meu país e pro Santos por ter um time para qual torcer, mas não faço questão de ver os jogos ou saber os resultados.

O fato é: homem gosta de futebol porque sim.


Violência gratuíta

Não estou dizendo que os homens gostam de sair por aí espancando qualquer um (apesar de muitos gostarem...), mas sim de esportes, programas de TV, jogos, brincadeira e qualquer outra coisa que mostre pessoas (e outros seres vivos...) batendo e apanhando.

Quer fazer o teste? Pergunte se ele prefere ver o UFC ou uma partida do campeonato de poker.


Carros e motos

Aston Martin One 77 2010: nem Daniel Craig tem um desses.

Se mulher adora carro, homem ama. De fato, muitos preferem carros ao futebol, e eu sou um deles.

E falando de motos, que tal essa:

A Kawasaki Z1000.

Homens, me desculpem por nenhuma das fotos terem mulheres gostosas, mas, sabe como é, que homem deixaria uma mulher encostar nesses brinquedinho?


Roupas de baixo

Pode parecer idiotice, mas provarei que é verdade:

Quantos homens você conhece que negariam algo para a Adriana Lima?

6? 7?

Bem...

E agora?


Beber



Ainda mais se estiver gelada:

Claro que não é só cerveja, mas sendo a mais comum, nada mais justo do que usá-la como exemplo. Mas para vocês não ficarem tristes vai uma propaganda do Jhonnie Walker:




Pés

Maluquice? Talvez, mas o fato é: homens prestam atenção nos pés das mulheres.

Vocês devem saber, mas há uma parafilia (fetiche) com pés chamada Podolatria e NÃO Pedofilia, ou seja, raciocínio lógico não tem vez entre as fantasias sexuais.

Por exemplo, um podólatra (fetichista com pés) teria um orgasmo ao ver isso:

Mas sendo podóltra ou não, os pés é (são?) uma parte importante do corpo, sob vários aspectos, e os homens olham para eles sim!


Tecnologia

Taí o mais novo lançamento da Apple: o iPad, lançado hoje (27 de janeiro de 2010) e que há meses tem sido fonte de inúmeros debates entre geeks do mundo todo.

É inegável (isso existe?): homem adora tecnologia. Quanto mais novo, brilhante, fino e cheio de recursos for, melhor. E nem preciso me esforçar para demonstrar que é verdade: basta você procurar MacBook Air, Sony Ericsson X10, iPhone, Windows 7, Intel i7 ou qualquer outra coisa do gênero e verá milhões de resultados na busca.
Óbviamente a tecnologia não se resume à gadgets, mas à funções, códigos, equipamentos e tudo mais, desde que tenha alguma função (não é necessário que funcione às vezes...)

E como eu disse lá no Twitter: iPad = iPhone versão Itu. Dá uma fuçada no site da bagaça para saber mais.


Comer

Eu sou uma criatura maldosa, tá?! Não há nada que vocês possam fazer.

E notem que tem um homem comendo lá no fundo.

Comer é bom e diferentemente das mulheres, homens comem qualquer comida que lhes agrade, não importando a quantidade de calorias, conservantes, gorduras trans e o raio que o parta.

Comer é bom e se somos o que comemos, não fosse pela comida, homens seriam mulheres.

Durmam com as implicações disso.


Video-games

Não importa a idade: homens adora murrar botões por horas a fio.

Num pequeno texto de apoio a tal atitude, os video-games estimulam o raciocío lógico e a coordenação motora, além de estimularem o cérebro a processar mais rapidamente informações completas e em maior quantidade, fazendo com que o fato de ficar horas jogando Guitar Hero seja na verdade um feito heróico de perseverança e um grande demonstração de intelecto.

Nunca tinha notade que o Wii era tão menor que o Xbox 360 e o PS3...


Idiotices







Só homens são capazes de certas coisas, pelos mais variados motivos: pura idiotice, para se mostrar, por não ter nada para fazer, por ser de nascença, porque estão sendo pagos ou, o mais comum, para se exibirem para mulheres.

E só para terminar:



Cara... simplesmente impressionante...


Relógios e canetas

Nada como uma Mont Blanc ou um Rolex:

Banhados nos mais preciosos metais para fazer um homem ter vontade de destruir um radio-relógio ou uma Bic.

Vou lhes ensinar uma lição para a vida toda: dinheiro não compra felicidade, mas com toda certeza te deixa menos triste.


Cachorros grandes

Olha o Salsicha e o Scooby por exemplo: o senhor Rogers (sim é o sobrenome do cara com apelido de comida) tem nada mais nada menos que um dogue alemão adulto.

O dogue alemão (ou dinamarquês) pode pesar mais de 70 kilos e passar facilmente os 2 metros de altura se nas patas traseiras.

É uma equação simples: dono magrelo + cachorro grande = diversão pura!

Falo e vou falar pro resto da minha vida: pincher não é cachoro, é RATO.

E é assim:

Que um homem passeia com seu melhor amigo.


Sexo

Taí algo que ninguém discute, então não vou falar mais nada sobre esse sub-título.


Diversão

Estava agora olhando o "Diversão" lá no outro post... acho que ele ficaria melhor nesse post aqui...

Homem que é homem não chama mulher de diversão, chama de comida ou empregada.

...

Como sou machista...! Mas a julgar pela bunda, ouso afirmar que os peitos não são grande coisa.

Foi sem querer.


Sacanear os outros

Sinceramente falando, sou profissionar nisso, certo, Negão?

Homens normalmente não se contentam se não dão uma pequena tirada da cara dos amigos depois de eles terem levado um "não" de uma garota ou depois de tomarem uma gaia na pelada.
É instintivo! Mesmo na pré-história, os hominídeos riam dos que falhavam na caçada!

E outro dia confirmei: o Negão realmente me odeia.


Uniformes

Ela está trabalhando, ok?! Ela não usa isso para ir ao super-mercado.

...

Ou até usa, mas aí é outra história.

Homens adoram uniformes, isso é fato. Claro, se for unirme de limpador de lareira já complica um pouco, mas cada macaco descasca sua banana como quer.


Baixistas

Estão duvidando né? Mas é verdade sim: homem gosta de baixo e de mulher, logo, gosta de baixistas. E eu posso provar:

Paz Lenchantin, das bandas A Perfect Circle e Zwan.


Karin Axelsson do Sonic Syndicate.


Kim Gordon do Sonic Youth.


Paola Mattaroccia da Sea Dweller.


Birgit Öllbrunner da Midnattsol.


Melissa Auf Der Maur das bandas Hole e The Smashing Pumpkin.

Eu disse que podia provar, não disse?


Tralhas que facilitam nossa vida

Gillette é coisa de pobre! Bom mesmo é barbeador com aparador de costeletas!!!

Fato: coisas que nos facilitam a vida são de alto valor emocional.

Barbeadores, Internet no celular, máquina de cortar grama à gasolina, partida elétrica em motos, acendimento automático no fogão, carros automáticos, equalizador de músicas eletrônico, agenda digital, despertador personalizado, chamada por voz, lista dos canais mais usados da TV, bookmark, número de discagem rápida, conexão Wi-Fi automática, caixa eletrônico e tudo mais que nos "impede" de gastar preciosos segundos de nosso tempo.


Mulher

Nesse post falei um pouco sobre mulheres de verdade.

E é dessas mulheres às quais me refiro agora.

Homem gosta de MULHER e a Marge é MULHER. Duvida, seu merda? Assista à todas as temporadas e ao filme dos Simpsons e depois venha duvidar de que a Marge é o sonho de muito cara por aí!

O meu é a Emily Browning, mas isto não vem ao caso.

Mulher que é MULHER tem homens que são HOMENS aos seus pés.
Aquelas gostosas para quem você bate punheta não entram aqui (é um assunto "perigoso" do qual devo falar outro dia), afinal, é duvidoso que alguém que tire fotos com um vibrador de 35 centímetros tenha alguma moral.


Competições e brincadeiras

Homens são aficionados por competições e/ou brincadeiras de todo tipo: partidas de PES, corridas de kart, quem come mais pedações de pizza, quem consegue enterrar a bola de basquete, corridas, guerra de comida, tira ao alvo, qual avião de papel voa mais, quem tem mais álbuns do Brasileirão completos, quem tem maior record no pinball do Windows, quem digita mais rápido, quem fica com mais garotas numa balada, quem tem melhor mira com bolinhas de papel, quem tem melhor som no carro e outras milhares de disputas e brincadeiras toscas e divertidas.

Homens precisam de comparações entre si ou não estarão felizes nunca. E mulher nenhuma pode nos tirar isso! NENHUMA!


Minha conclusão

Diferentemente do outro post, esse foi bem mais rápido de fazer e não falei nenhum "pacas" a não ser esse que aqui serve de exemplo.

Assim como homens podem "domar" certas características das mulheres, as mulheres também podem "domar" certas características dos homens.

Mulheres que afirmam que vivem muito melhor sem homens em sua vida (o que é impossível...) estão mentindo para si mesmas e para o mundo. Tudo foi feito aos pares, sendo assim, homens e mulheres existirão juntos "para sempre" (lê-se até 2012), apesar de todos os problemas em ambos os sexos.

Mulheres adoram homens? Sim.
Odeiam algumas de suas ações? Sim.
Homens odeiam outros homens? Depende.
Mulheres odeiam outros homens? Não.

A recíproca é verdadeira: é impossível, para elas, viverem com eles, mas é impossível viver sem eles.

Assim como no outro post, quero agradecer aqui à alguns homens que conheço (ou não...) e alguns que definitivamente não conheço:

O Negão, Larry Page, Sergey Brin e ao Mestre Marlon Brando.

Enfim... Espero que gostem desse post tanto quanto o primeiro...

See ya!


Related Posts with Thumbnails

sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

Vê Isso #6

Aew cambaaaaaaaaaaaada!!!

Bora pros links!


Gostosas - Heather Vandeven(+18)

Lista - Os 10 Reality Shows mais estranhos

Fotos - Lingerie Day(+16) (para homens)

Texto - A pornografia de 20 anos atrás

Decoração - Laços

Invenções - Tomada extendida

Texto - Curiosidades universais

Tirinha - iPad

Pegação - Na Campus Party(+14)

Fotos - Casa para gatos

Verdades - Campus Party

Fotos - Escritório

Música - Capas de LPs

Tirinha - Filosofia

Texto - Ménage com o ex

Fotos - 20 anos depois

Acontece - Grávida

Sexo - Para crianças

Fotos - Técnica droste

Inveções - As mais sem noção dos últimos tempos

Fotos - Lingerie Day(+16) (para mulheres)

Tirinha - Colar na prova

Lista - Os melhores álbuns de 2009

Texto - Falar depois do sexo

Foto - Xuxa se depilando


Música da semana:



See ya!



Related Posts with Thumbnails

domingo, 24 de janeiro de 2010

3 Acordes #7

Aew cambada!!!

3 Acordes para vocês!

PS: Me lembrem de fazer um post com o tema desse post, ok?


A coisa mais divertida, na minha concepção, para uma banda realmente boa, é o reconhecimento do público através das gerações, além, é claro, dos milhões ganhos com CDs, downloads, shows e todos os demais produtos feitos para nos deixar mais pobres.

Em outras palavras, gosto de bandas que tem uma carreira, uma história, pela qual devem zelar o máximo possível, pois é o que paga as contas deles. E isso felizmente acontece, como é o caso do AC/DC, The Rolling Stones, Aerosmith, Titãs, Capital Inicial, entre outros.



Acho extremamente triste para a música que bandas como o Scorpions e o A-HA parem de tocar. Como apreciador das boas músicas, creio que a separação desses dois grupos seja uma perda enorme para o cenário musical. É triste saber que o futuro está nas mãos de outras coisas...



"NÃO PORRA!!! Seus fãs precisam de vocês caralho!!!"
Related Posts with Thumbnails

sábado, 23 de janeiro de 2010

Músicas e as lembranças que elas nos trazem

Aew Cambaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaada!!!!

Como falei no post anterior, eu TENHO que fazer um post sobre músicas e as lembranças que elas trazem. Caso você tenha visto o link no qual o comentário está escrito, terá uma idéia básica de como será esse post.

Então... Músicas e lembranças!


O que é

Creio eu que nunca consiguiremos definir exatamente o que é música.
Segundo a Wikipedia é "uma forma de arte que constitui-se basicamente em combinar sons e silêncio seguindo ou não uma uma pré-organização ao longo do tempo", mas que no mesmo artivo diz "Definir a música não é tarefa fácil porque apesar de ser intuitivamente conhecida por qualquer pessoa, é difícil encontrar um conceito que abarque todos os significados dessa prática."
A melhor definição que eu já vi, foi do canal MultiShow, numa vinheta de uns 2 ou 3 anos atrás, a qual não consegui achar para colocar aqui.

Para esse post, consideremos a definição de música sendo "Uma forma de expressar sentimentos, emoções e comportamentos", sem aquela história de "música é arte", "música é um jeito de ser", "música é barulho".


Lembranças e Memória



Segundo a Wikipedia, memória é "a capacidade de adquirir (aquisição), armazenar (consolidação) e recuperar (evocar) informações disponíveis, seja internamente, no cérebro (memória biológica), seja externamente, em dispositivos artificiais (memória artificial)."
De forma resumida: é a capacidade de aprender e lembrar-se de coisas".

Lembranças são memórias: coisas as quais já vimos, ouvimos, falamos, etc. as quais podemos "evocar" em nossas mentes, seja isso de forma arbitrária ou não.

Devivo à anos e anos de evolução, o ser humano passou a considerar as lembranças como sendo memórias de seu passado e passou a utilizá-las para as mais variadas coisas: de saber uma data de aniversário até usar as lembranças para "remontar" o passado da civilização.
É mais ou menos isso que você irá aprender numa faculdade de História: irá estudar tudo o que os filósofos gregos falaram, remontando o início da astrologia tal qual conhecemos hoje, por exemplo.

Nesse post, tomaremos memória como "Capacidade de armazenar informações" e lembranças como "Capacidade de evocar tais informações".

E para deixar claro: lembranças podem ser boas ou ruins.


Músicas e nossas vidas

Passamos nossa vida inteira ouvindo música. Claro, se você for surdo, você não ouve, mas se colocar a mão nas caixas de som sentirá mais ou menos a batida da música.

...

Se você for surdo e aleijado, bem... aí, este blog não poderá ajudá-lo, desculpe.

Voltando: Passamos nossa vida toda ouvindo músicas dos mais diferentes rítmos, tipos, remix, acústico, de andamentos diferentes, durações diferentes e estilos diferentes, o que não quer dizer, é claro, que gostamos de todos, até porque, é impossível.

Em MUITOS momentos da sua vida, você se vê (e se verá) cercado por músicas: seja durante um churrasco, um aniversário, uma viajem, de uma estação a outra no metrô, durante casamentos, numa reunião com os amigos, enquanto usa o PC, enquanto assiste TV, enquanto dorme, durante shows ou quando um FDP resolve ligar o som do celular no máximo dentro do ônibus.
Graças à essa "participação" da música na nossa vida, é meio óbvio que, cedo ou tarde, um momento importante da sua vida será marcado por/com uma música: a música do seu casamento, a música daquela viajem para a Disney, a música de um churrasco, a música que você ouviu depois de ser promovido, a música tema de um filme, a música do primeiro encontro com sua namorada, até mesmo uma música que gostamos, sem precisar de uma situação "especial", entre diversos outros acontecimentos pelos quais passamos em nossas vidas.

E são essas músicas que ficarão marcadas em nossas memórias, trazendo lembranças sempre que as ouvimos. Exatamente por isso, músicas podem trazer lembranças agradáveis, como por exemplo a foto acima na qual a gosGAROTA aparenta estar ouvindo uma música que a relaxe, ou lembranças desagradáveis:

 Que nos fazem ficar tristes, irritados, tensos ou qualquer outra coisa que tire nosso conforto.

O que quero dizer é: cada música nos traz reações diferentes.

A música do aniversário do seu tio pode lhe trazer desconforto, pois é uma música brega e tosca:



Já a música do seu primeiro encontro com sua namorada pode lhe trazer alegria, pois ela é areia demais pro seu camihão:



...

Sim, assisti Click ontem, mas conhecia essa música há muito tempo.

Um exemplo real: sempre que o Negão ou essa música:



Ele lembra de certas noites... Noites as quais eu estava MUITO longe dele, que fique claro.

...

Sabem... as vezes eu tenho certeza que o Negão me odeia...


Momentos

Acho que todos nós passamos por momentos em nossas vidas dos quais sempre nos lembraremos, não importa se foram bons, ruins, rápidos, demorados, chatos, divertidos, bobos ou entediantes.

Não sei vocês, mas grandes viagens (pricipalmente as que usam meios de transportes terrestres comuns) são, para mim, chatas. Claro que sempre rola coisas divertidas (e eu sempre acho a viagem a melhor parte no final), mas é entendiante se não há nada para fazer, por isso encho meu celular com um monte de músicas as quais não ouvirei nem a metade.

Resumindo: gosto de ter uma "trilha sonora" quando estou fazendo qualquer coisa que seja.
Minha tese principal é que existe uma música para TUDO (tá...não TUUUUDO, mas isso é outra história...), uma música para cada mínimo momento pelo qual passamos.

Ou seja: quando você está comendo brigadeiro, há uma música "perfeita" para esse momento. Se você está fazendo uma caminhada, há uma música para isso também:

Isso AINDA não existe, mas espere algum tempo e você verá!

Assim como existem músicas para quando você está comendo, viajando de avião, escrevendo, assistindo idiotices na Internet, se casando, tendo sua primeira vez (acreditem, há MUITAS músicas para esse momento), comendo espeto de frango com farofa ou para quando você está carregando uma TV 21'' da Panasonic.

Falando sério, ache um momento que não tem uma música "para ele" e eu corto minhas mãos, eu te desafio!

E de forma bastante simples: um momento que marque a sua vida (pra bem ou pra mal) é SEMPRE bom (não discuta, eu tenho razão) e fica melhor se tem uma música que combina com ele.


Músicas e as lembranças

Eu gosto de ser "do contra" e sendo assim, gosto de ouvir músicas num volume baixo/médio.
Se você não gosta disso, que se foda.

Nosso cérebro é o responsável pelas lembranças que temos. Assim como os cheiros, as texturas, as imagens, os sons fazem com que nosso cérebro retenha informações sobre aquele som, juntando essas informações com o que estamos fazendo naquele momento, e é isso que faz com que associamos uma música com um momento, que posteriormente será uma lembrança.
Quando nos lembramos de um momento, automaticamente nosso cérebro busca a música relacionada com aquele momento e é assim que a "trilha sonora" é formada.

Pare para pensar um pouco e verá que muitas músicas fazem parte da sua vida.
Coloque sua playlist para tocar e verá que várias lembranças virão a tona em sua mente, fazendo você se recordar de coisas que já passaram na sua vida.

Se você leu o segundo link, láááá no começo do post, viu que o Rafa Barbosa não está no melhor momento de sua vida, e há alguns dias, a música que melhor caiu para aquele momento foi essa:



Aposto meu controle sem fio do PS2 que você também tem uma música que lhe lembre de um amor que já passou (ou ainda não passou, mas acabou).

Mas pode ser o outro lado também. Sempre que ouço essa música:



Lembro de dois colegas meus, durante um acampamento, perguntando se alguém a sabia tocar no violão, o que é uma coisa boa, pois, apesar da música, ninguém sabia tocá-la!

Quero propor aqui uma brincadeira: pegue TODAS as suas músicas e coloque-as numa playlist para tocar com a opção "aleatório" ligada. Dê play e veja que música que é e se essa música lhe traz alguma lembrança, seja boa ou ruim. Se sim, poste-a (a música e a lembrança) nos comentários, se não (não é "senão" é "se" e "não") traz, crie vergonha na cara e arranje uma lembrança para essa música.


Clips

Atualmente a maioria das músicas tem clips, que em sua grande maioria são "médios".
São relativamente poucas as músicas com clips que você assiste e diz "Clip dahora véio!".

Quando um clip é bem feito, divertido ou "icônico", é bem capaz de você se lembrar mais do clip do que da música em si. Há uns 2 meses atrás mais ou menos, um amigo queria saber que música que tinha um clip que se passava na rua, acabou que minha primeira sugestão foi a certa:



Há também músicas que relacionamos com cenas de filmes, peças de teatro ou shows específicos os quais já vimos:



Se você nunca ouviu essa música, SAIA DAQUI, SEU VERME!!!!

Enfim, clips complementam músicas, mas o contrário deve ser inaceitável.

Sim, sou chato.


Porque nos preocupamos

Quero dizer... por que nos preocupamos em achar músicas que combinem com o que estamos passando? Se estamos com depressão, ouvimos emo (hahahahahahahahahahahahahaha), se estamos felizes ouvimos pop e se estamos "normais" ouvimos rock.

Por que tem pessoas (assim como eu) que gastam parte de seu tempo procurando uma música que expresse o que queremos expressar? Tá certo que graçás à Internet e à TV, a grande maioria da população mundial ficou incapaz de se expressar apenas numa conversa, mas porque mesmo assim as pessoas pensantes (novamente, assim como eu) insistem em procurar por músicas que façam isso por elas?

Desde o início da humanidade, a música esteve presente. Óbviamente não era com guitarras e baterias, mas ainda sim estava lá. Creio eu que era comum os hominídeos voltarem de uma caçada com carne, juntassem todos do grupo, desenhassem na parede e cantassem um tipo pré-histórico de:



...

PQP... quanto não me obrigaram a cantar isso... e pensar que agora ouço isso:



POR QUE EU NÃO FUI?!?!?!

...

Sacaram? Sempre me mortifico quando vejo algo dos shows deles dessa última turnê...

Enfim, o ser humano é uma espécie que precisa de entretenimento para sobreviver (acredite, isso pode parecer absurdo mas é a mais pura verdade), logo, sendo a música uma das mais antigas formas de entretenimento (ficando logo após matar e sobreviver), nada mais normal do que usá-la para o que queremos.

O que não justifica certas merdas que temos atualmente...


Momentos para cada música ou música para cada momento?

Taí uma questão interessante mas fácil de responder.

Quando uma coisa complementa outra, como num quebra-cabeça (com ou sem traço), a dúvida "quem veio primeiro?" pode aparecer.
Enquanto não descobrem a disputa entre o ovo e a galinha, a questão música-momentos é bem simples.

A vida surgiu há milhões e milhões de anos atrás e como há vida, há experiências de vida. Não posso afirmar que um ser unicelular comemore seu aniversário, mas garanto que os primeiros seres pluricelulares não gostariam de morrer para seu predador na cadeia alimentar.

A música a qual me refiro nesse post é a "única música existente": a que é feita pelo gênero Homo.

"WTF?!"

Google, meu filho, Google.

Não que eu considere que não há outros tipos de música (...), mas não vou perder tempo explicando a diferença de música para música.

E sim, amaldiçôo a falta do tom de voz numa coisa escrita.

Enfim, o ser humano (como ainda acontece - algo que a evolução ainda não deu conta) não nasce sabendo das coisas, logo, demorou muito para que nossos antepassados aprendessem a criar a música. E como eles não poderiam ficar parados esperando (pois morreriam de fome ou seriam mortos), os momentos do seu tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara bisavô começaram bem antes da tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara tatara bisavó da música.

Não adianta: vivemos em constante evolução, e com isso evoluimos tudo que precisamos para nos manter como a espécie dominate do planeta.

E pra ficar marcado: gostosa + Sony = perfect.


Música X Momentos

Incrível como as gostosas de hoje, com todos seus peitos e bundas, não chegam aos pés das mulheres bonitas de verdade.

E aquilo, caso você seja uma toupeira com câncer, é uma vitrola.

Aí você diz: "Má pera lá!!! Como assim "Música X Momentos"?!?!"

Simples: O que nos faz escolher um determinado tipo de coisa para um determinado tipo de momento?

Se estamos tristes, ouveremos músicas mais lentas, com tons graves.
Se estamos alegres, ouviremos músicas mais rápidas, com sequências de notas maiores, mais distorções.
Se estamos "normais" ouviremos todo tipo de música que nos agrade.

Conheço várias músicas que apesar de tristes, são rápidas, com solos, inversões e todo tipo de coisa, mas apesar disso, se você estiver chateado, procurará algo mais "solene", mais sério.
E o contrário também ocorre: por mais que gostemos de uma música mais calma, com uma letra divertida, procuraremos as mais frenéticas.

Há centenas de tipos de músicas, entre eles:


Para relaxar




Para nos divertir




Para irritar os outros




Para momentos tristes




Para declarações




Para nos irritar




Para quando estamos "voando"





Para quando estamos reflexivos




Para quando estamos irritados




Para nos divertir




Enfim, há um monte, e eu ficaria aqui por mais tempo falando sobre eles... quem sabe um post excluisivamente sobre isso algum dia, certo?


"Transição Normal-Alternado"

Aí você diz: "Que merda de título é esse?!"

Quando que não temos/estamos nenhum problema emocional (seja doença ou não), é o que trato neste post como "Normal".
É quando seu estado de espírito não está influênciando as escolhas das músicas que você está ouvindo.

Esse talvez seja o ponto principal deste post: como uma música altera seu estado de espírito.

Considere que você está "normal", ouvindo as músicas que você gosta, quando começa a tocar esta música:



Aí você se lembra que na época que a música foi lançada, você gostou dela pracaraio e se identificou, pois você queria ter um conversível que estava à venda na agência perto da sua casa, mas ele foi comprado por uma pessoa que chegou 10 minutos antes que você.

É normal dizer, que com a lembrança desse fato, você fique chateado e passe a ouvir músicas "para quando você está chateado".

Outro exemplo agora, mas o contrário:

Você está escutando suas músicas normalmente, quando essa aqui toca:



E aí você se lembra da aposta que ganhou, na qual seus amigos teriam que dançar esta música no pátio da escola, com as roupas do clipe e tudo mais.

Logo depois, é possível que você passe a escutar músicas "para quando você está alegre".

Quando nosso cérebro reconhece uma música e a liga com um momento, automaticamente manda comandos para que seu corpo reaja como se estivesse revivendo aquele momento: se você se lembrar de quando for pular de bungee-jump, é capaz de sentir aquele frio na barriga, se se lembrar da música do elevador do prédio da sua tia-avó, é capaz de sentir tédio e assim por diante.

Nosso corpo é impelido por ele mesmo a recriar tudo que sentimos num momento da mesma forma quando lembramos de tal momento. Consequentemente, passamos a fazer parte da lembrança: a lembrança passa a nos influenciar.
Por isso quando ouvimos uma música que nos lembre que nosso papagaio morreu, ficamos tristes e passamos a ouvir músicas tristes. É por isso também que quando ouvimos uma música que nossa namorada gosta, ficamos contentes e liguemos para elas para propor outras coisas.

Não seja hipócrita!!! Você não vai mais estar pensando em música!!!!

Experimente, por exemplo, ouvir a música que tocou no seu Bar Mitzvá e veja se você irá ouvir outras músicas que lembrem o Bar Mitzvá ou demais comemorações judaicas.


Minha conclusão

No final não acabei antes das 5...

De qualquer forma, acho que passei o básico do que penso sobre a influência da música em relação à nossa memória.
Não é algo complicado de entender, mas pode ser algo complicador para se viver... sempre tem coisas as quais queremos esquecer, mas nunca conseguiremos (seja isso bom ou ruim).

É interessante como uma música que alguém que nem nos conhece pode significar tanto para nós. E é algo recíproco: se não fosse pelos fãs, os cantores, cantoras, bandas, grupos, etc. não fariam sucesso, logo não ganhariam milhões.
Como eu disse num outro post, cantores, cantoras, bandas, grupos, etc. tem vida própria, logo, se identificam com músicas de outras pessoas também. O que é ótimo, pois esse é um dos fatores que salva a boa música.

Esse provavelmente é o primeiro de muitos posts sobre música que farei aqui, mas tento me segurar, senão (agora é "senão" e não "se" e "não") ficarei dias aqui escrevendo. Digitando.

Para comemorar vai aí uma boa música:



Que vocês passam a considerar esta uma lembrança "daquele blog de merda que eu li por acaso quando tava procurando pornô gratis".

É tão bom fazer um post sem colocar mulher boa só por colocar...

Bom... divirtam-se com as músicas deste post.... espero que as coisas melhorem por aqui em breve...

See ya!
Related Posts with Thumbnails

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Vê Isso #5

Aewwww cambaaaaaaaaaaaaaada!!!!

Voltei! Bora pros links!


Sou desocupado - Pergunta!

Curiosidades - Os 12 estádios mais estranhos do mundo

Texto - Folclore Japonês

Tecnologia - O que os anos 2000 mataram

Tutorial - Ovo frito sem sujeira

Vídeo - O amor, tudo vence

Texto - Sinceramente, eu ri dessa merda

Gostosas - Bartenders (+18)

Tirinha - Bebês

Invenções - Como ir ao bar, sem perder a namorada

Sem palavras... - Posições sexuais(+18) (só clique se você for doente ou tarado)

Texto - Músicas e lembranças (TENHO que fazer um post com esse tema!)

Gostosas - Asiáticas(+18) (MEU DEUS...)

Lista - O que aprendemos na adolescência

Fotos - Drogas e seus efeitos

Humor - Lojas

Gostosas - Shawna Lenee(+18)

Texto - Paixão por personagens fictícios

Games Review - Bayonetta

Invenções - As vezes não dá certo

Texto - Aprendendo a beber


Música da Semana



No final não saiu sexta... mas foi bem mais links do que de costume... enfim, amanhã (ou depois de amanhã) tem post aqui no blog, aguardem!

See ya!
Related Posts with Thumbnails

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

Top X Métodos para passar o tempo!

Aew cambaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaada!!!!!!!!!!!!!

Nossa, como faz tempo que não posto aqui! Mais precisamente, desde o dia 29/12 do ano passado.
Bem, apesar do tempo que passei longe do blog e das várias idéias de post que tive (as quais não marquei e agora esqueci) não pensei muito no blog.

...

Já vou pro inferno, pra que ter trabalho, não é mesmo?

E como faz tempo que eu não posto, vamos à um post "especial":

Top X Métodos para passar o tempo!


O que leva à isso



Pois é, o que nos leva a querer passar o tempo?

Por exemplo: ao tempo que escrevo este post, estou vendo esse clip no qual uma garotinha cujas narinas podem ser vistas à quilómetros fica andando à esmo por um lugar que ela nem conhece e por que ela fodeu com esse lugar é enterrada viva.

Quero dizer, eu cliquei no link do vídeo por causa da vocalista (que é pegavel...) que está loira e me deparo com um vídeo doentio de humor negro.

Humor negro, é uma forma de humor cruel e assustadora, porém engraçada, na qual o infeliz que vos fala se dá muito bem, mas prefere não o fazer por motivos éticos.

Mas interrompemos esse momento de reflexão sobre tal forma de humor, para usá-lo num exemplo prático: "a garotinha desse clip é parecida com elefantes: ela se assusta ao ver um rato, pois este pode entrar no seu nariz com facilidade".

Vejam o clip, constatem que tenho razão, deem uma risada e se condenem por isso ser cruel.

Se você fez isso, parabéns, você acaba de concluir a etapa 1 do meu curso "Como ser cuzão sem precisar falar nada". Os interessados em continuar no curso, deixem um formulário com nome, idade e e-mail nos comentários.

Negão, me recuso a lhe dar esse curso. Você só pode ser vítima.

Enfim... o que nos leva a querer passar o tempo?

Muitas coisas. Vai desde querer fazer alguma coisa até querer fazer uma coisa para se livrar de alguém, passando pelo tédio, castigos, esperas em consultórios médicos, etc. Depende da situação na qual nos encontramos.


1 - Corra/ande em círculos

...

Por que eu ainda faço isso?

...

Enfim, na falta do que fazer, vá a um lugar vazio, com um bom espaço e dê voltas e mais voltas.
Quando você ficar tonto, pare e começe a fazer as voltas para o outro lado!

Pode ser que você queria deixar as coisas mais "radicais", então dê voltas em torno de uma mesa (quadrada, assim você diverte a quem estiver vendo também) ou de um sofá.


2 - Ler

Caso você já tenha lido outro post meu, sabe que eu adoro ler.

Anteontem terminei de ler o livro O Símbolo Perdido do autor Dan Brown e ontem li o Raiz-Forte do Lemony Snicket. Dois bons livros, diga-se de passagem.

Não vou fazer um discurso falando o quanto é bom ler, mas sem dúvida é uma ótima forma de passar o tempo.

Claro, se você for ler Crepúsculo, você merece morrer empalado, mais isso é um detalhe.


3 - Comer

Que comer é bom, todos concordam, e como diria um amigo meu: "num tem nada pra faze, então eu fico entre quarto e geladeira".

E é ainda melhor se tem chocolate, tortas doces e salgadas, coxinha, empanados, pudins, bombons, biscoitos, amendoim, bolachas recheadas, nutella, regrigerante, sucos, vitaminas, sorvetes, danoninho no palito (hehehe, toquei a infância de alguns agora) e tudo que é coisa gostosa e que tem centenas de calorias.

Deixem-me ensinar-lhes uma coisa: MUITAS calorias é IGUAL a GOSTOSO.

Os naturistas desgraçados que discordarem, façam o favor de sair deste blog agora mesmo.


4 - Rezar



Tá, eu sei que essa música é meio gay de se por aqui, mas devido à um acontecimento na minha infância (lê-se MINHA PROFESSORA DE INGLÊS FICOU PASSANDO ESSA MÚSICA DURANTE UMA AULA INTEIRA, seus bostas) essa música ficou marcada na minha mente.

Para ser sincero com vocês, não sou de rezar (...), mas tem gente que gosta, e como este é um blog de respeito, tenho de falar das possibilidades.

Tente por exemplo rezar 3 vezes o terço, de trás para frente, em latim. Tenho certeza que o tempo vai ter passado (taí um uso pouco comum do português...) quando você acabar.


5 - Passear

Passear nem sempre é divertido. Se você já passeou, sabe disso.

Mas como pode ser divertido e quando é divertido o tempo passa "mais rápido", passear é uma ótima escolha para passar o tempo.

Vá a parques, praças, no shopping, no cinema, na casa da sua sogra, no parquinho do condomínio, na padaria, na banca de jornal, sei lá, tire sua bunda da cadeira do PC.


6 - Fique no PC

Alguém ainda usa esse termo?

Enfim, por mais legal que seja sair do PC, também é legal ficar no PC. Sim, eu sei que vocês concordam.

Não vou falar de tudo que se pode fazer com um computador, até porque, vocês já sabem.
Mas enfim, todos concordamos que quando estamos no PC, o tempo passa assustadoramente rápido, ainda mais se for em lan-houses.


7 - Jogar

Seja baralho, TCGs, jogos de PC, de video-game, de tabuleiro, de mesa, ou qualquer outro tipo existente: chame uma galera, exija um jogo no qual você é bom (use a desculpa "o baralho é meu!"), roube e seja feliz.

Ou se você for muito imbecil, jogue com você mesmo, roube e seja feliz.


8 - Música



Seja fazer, ouvir, produzir, cantar, tocar ou qualquer outra coisa (menos plágio: seja ruim, mas seja um ruim conciente), música é para sempre (o que nos traz uma série de problemas...) e se for músida DE VERDADE, faça, ouça, toque, produza ou qualquer outra coisa.


9 - Tome laxante

Só uma coisa a se dizer sobre a foto acima: QUE MEDO!


10 - Praticar esportes

Não falem nada... eu já sei...

Praticar esportes é saudável... e tosco... suba um pouco a página e verá que tenho razão.

Não vou demorar, então, resumo: esqueça o Wii do seu vizinho... e filhos.


11 - Se embebedar

Homem que é homem bebe.

Homem que pega mulher faz ELA beber.

...

Os bi-sexuais vocês já entenderam né?


12 - Trabalhar


"Má que porra é essa?! NINGUÉM gosta de trabalhar!!!!"

Errado. Apesar de não ser minha praia (e nem a sua, seu vagabundo!), é fato que tem gente que gosta de trabalhar.

"Dá um exemplo então, seu merda!"

Esse é um blog de família, falar de trabalho aqui é expressamente proibido.


13 - Ver TV

Sua TV 32'' LCD já foi assim.

Sem controle remoto.
Sem cores.
Sem TV/AV.
Sem HDMI.
Sem Sinal Digital.
Sem auto-falante stereo.
Sem tela plana.
Sem suporte para parede.

...

Sem bloqueio de canais...


14 - Dançar



É, eu sei que eu sou esquisito, mas isso não é motivo para você subir nas cadeiras e gritar assim:




15 - Derrotar o Império

...

Preciso de tratamento.


16 - Assistir filmes

Basicamente, isso consiste em "ver TV" ou "ir ao cinema", mas apesar disso, é um tópico que merece ser mencionado.

Esses dias assisti: a trilogia do' Senhor dos Anéis, Jogo de Amor em Las Vegas, Antes de Partir, Avatar, O Amor não Tira Férias, Wall-E, Força G e O Diabo Veste Prada.

Como vocês podem ver, sou um desocupado. O que significa que tenho tempo para lazer ao invés de, assim como você, trabalhar.

E vai aí um resumão dos filmes:

O Senhor dos Anéis: muito bom, mas obviamente os livros devem ser melhores.

Jogo de Amor em Las Vegas: médio.

Antes de Partir: Interessante... mas eu esperava algo diferente... mais "radical".

Avatar: Sinceramente falando? Avatar não é bom. A história é fraca, os personagens são rasos e há diversos elementos do filme que já foram mostrados em outros filmes, séries, gibis, etc. Ponto forte: os efeitos especiais. Avatar dá um show em relação à computação gráfica, e, tenho que dizer, é a melhor tecnologia digital já criada.

O Amor não Tira Férias: é bobo e tudo mais, mas gostei.

Wall-E: Ben Burtt: o criador dos sons dos sabres de luz. Mais um Mestre o qual devemos admirar. Wall-E, apesar de clichê, é, pra mim, um das 5 melhores animações já feitas.

Força G: Ou "Ponto", se preferirem. Bobo, sem graça e meio estranho, mas o jogo até que é legalzinho.

O Diabo Veste Prada: Cuzona. Essa é a palavra que define o filme todo. Em uma frase? Cuzona e Gostosa. Vocês sabem do que estou falando.


17 - Coisas não religiosas

Não preciso e não vou explicar.

Analisem a imagem, o tópico e meus outros posts para entenderem o que eu quero dizer.


18 - Vagabundear

Para deixar claro: Chaplin é Mestre. Mestre merece respeito. Se você for burro para não entender o sentido desta imagem estar aí, saia deste blog.

Seja no bom ou no mau sentido, vagabundear, seja como, quando, onde for, irá fazer com que o tempo passe.

Este blog não se responsabiliza pelos eventuais acontecimentos após a vagabundagem.


19 - Ir à guerra

War Rio =




20 - Perturbar os outros

Taí algo que o Negão sofre bastante... mas ele é tão... ele meio que PEDE para ser zuado, entendem??



21 - Fazer uma lista com coisas para se fazer

Sendo o primeiro post em tempos no blog, não poderia deixar de faltar a piadinha sem graça, certo?

Certo.

Então, comemoremos!

YEEEEEEEEESSSSS!!!!!!!!!!!!!!!


Minha conclusão


Sendo o primeiro post em tempos, me permito colocar a foto de uma gostosa aqui:

Kaley Cuoco... comecei bem.

Mas vou ser bonzinho e colocar algo para as garotas que possam cair aqui neste blog:

E o ator António Feio! Sério mesmo, não mudei nada no nome!

Voltando ao post de hoje, não ter nada para fazer é entediantemente chato. Por mais sugestões que nos deem, continuaremos sem fazer nada.

Entretanto é meio ilógico falar "não tem nada para fazer", pois sempre há o que fazer. Mesmo que sejam coisas que não gostamos ou não queremos fazer. E é por isso que ficamos entediados durante tempos e tempos.

Um exemplo: você pode muito bem pintar seu quarto, mas como não quer fazer isso, fala que não há nada para fazer, então liga seu computador e vai assistir pornô no RedTube.
E depois não lava as mãos e toca no teclado e mouse...

Outra coisa muito comum nessas horas é ligar a TV e ficar zapeando ou entrar num site e apertar F5 a cada 10 segundos.

Resumindo: sempre tem o que fazer, o que não significa que faremos tal coisa.

Mas é isso... voltando com o cronograma normal no blog: posts aos fins de semana, links na sexta-feira e o 3 Acordes esporadicamente.

See ya!

Related Posts with Thumbnails