sábado, 12 de fevereiro de 2011

Top X Mentiras do dia-a-dia

 Aaaaaaaaaaaaaaaaaaeeeeeewwwwwwwwwww cambaaaaaaaaaaaaadaaaaaaaaaaaaaaa!!!!!!!!!

Creio que devo-lhes explicações. Caso você não tenha vida social e tenha mal gosto (características constantes nos leitores inexistentes deste blog), você sabe que não postei nada nas últimas semanas. Não postei por 3 motivos bem simples (e em ordem cronológica): fiquei sem internet, tive preguiça e entrei (e ainda estou) num estado de bloqueio criativo... os textos para o Bacon Frito estão demorando o dobro para serem escrito, enquanto que os d'O Crepúsculo estão demorando o triplo. O post que vocês lerão (ou não) a seguir está nos 3 parágrafos a cerca de duas semanas... vergonhoso, eu sei.

Para eu me desculpar (ou talvez só aumentar o ódio de vocês), vai aí esta música que me faz dizer (infelizmente) que o movimento emo nem foi tão ruim assim:


Não, eu não me orgulho disso... mas fazer o que? E sem mais delongas, vamos ao post.
Simbora!


Dia-a-dia

Nós seres humanos temos a tendência a seguir horários, agendas e tudo mais, o que faz com que entremos na coisa que chamamos de "rotina". Dentre os vários debates envolvendo a rotina, há quem dia que é algo bom e há quem dia que é algo ruim, mas não é disso que o post de hoje tratará.

Na nossa rotina, passamos por coisas em comum, e consequêntemente somos "empurrados" a reclamar da rotina. Para que a rotina ficasse menos... rotineira, as pessoas começaram a inventar várias mentiras para tornar a rotina algo meno insuportável, e é disso que o post de hoje tratará.


1 - Ter chefe é legal

Na real, ninguém, absolutamente ninguém gosta de ter chefe. Todo aquele papinho de "ah, assim é mais organizado e eu consigo direcionar minha atenção para a coisa certa" é pura enganação. Ter chefe é um troço extremamente chato e irritante, por isso que vários filhos matam seus próprios pais todos os anos.


2 - Você vai se acostumar a acordar cedo

Eis o que me motivou a escrever este post (considerando que ele ficou parado por 15 dias, não motivou tanto assim). Não importa o que lhe digam, acordar cedo não é algo do qual se possa acostumar. Mesmo se você trabalha durante a noite e dorme durante o dia, você não gosta de acordar cedo.

É fisicamente impossível se acostumar a acordas às 6, às 5, ou até mesmo às 4 (QUATRO!) da manhã (caso você durma durante a noite, claro), principalmente se você foi dormir, sei lá, às 3 da madrugada. Acordar cedo é como encostar o umbigo nas costas: tem gente que diz que consegue, mas não há prova nenhuma.


3 - Não fui eu que acabei com o (insira qualquer comida aqui)

Um fato interessante sobre a comida é que se algo é muito bom e pode ser contrabandeado para longe dos olhos das outras pessoas, nós, pobres mortais, reféns dos prazeres carnais, iremos, na primeira oportunidade, comer tal guloseima. Aliás, "guloseima" é o tipo de palavra que só deve ser falada de boca cheia...


4 - Vai ser legal

Eis uma frase muito comum no vocabulário de mães, tias e avós. Ela é usada quando algum de seus parentes (ou o responsável por você) vai lhe forçar (independente do que você diga) a ir à alguma festa, comemoração ou debate que você não quer ir, pois tem certeza absoluta (e correta) de que a tal convensão social será uma grande e entediante merda.



5 - Pode comer, você vai gostar

Já ouvi bastante isso na minha vida (não só em relação aos vegetais) e fico, de certa forma, feliz por dizer que é algo que nem sempre é mentira (apesar de ser mentira na maioria esmagadora das vezes). Essa frase também é dita por qualquer pessoa que ocupa um posto de comando elevado ao seu... interessantemente tal frase nunca foi dita em relação à coisas como Nutella e Amandita.


6 - Claro que já fiz

O ser humano é, por natureza, programado para negar toda e qualquer culpa que seja jogada sobre seus ombros, portanto quando uma ação (seja o que for) é cobrada ou questionada, o "já fiz" se faz presente.

É interessante pensar no porque de as pessoas quererem se livrar de suas responsabilidades... e como isso dá um outro post, deixemos para outro dia... mas pensem no assunto mesmo assim, afinal, como foi comprovado, esse post pode demorar para sair.



7 - Não tenho mesmo

Todos já dissemos isso ao menos uma vez na vida. Claro que tem vezes que não estamos mentindo, mas já mentimos sobre isso. Não entrarei na discussão se é certo ou errado dar (ou não dar) esmolas, muito menos nas causas dos problemas sociais e econômicos no mundo, mas sei lá, creio que se deve fazer o que achar melhor nesses casos, seja isso considerado certo ou errado... mas quem liga para a comida quando se tem um sorriso?


8 - Já vou

Outra que todo mundo já usou. Atire a primeira pedra quem nunca disse que iria fazer algo imediatamente, mas ficou postergando tal compromisso. É praticamente um clássico do mundo da mentira... é como se fosse a camomila em relação aos chás. Falando em chás...


9 - Molhar o biscoito no chá é gostoso

O resumo de uma vida.

Taí algo que é uma mentira gigantesca e que só é difundida por velhos traiçoeiros. Além do biscoito imediatamente (ou 0,0000501 segundos depois) virar uma pasta no melhor estilo pate de presunto em formato de salame, tanto o chá quanto o biscoito ficam com um gosto terrível, quase que uma Fanta Maçã (alguém lembra daquela merda?), mas com o "bônus" de perder todo o chá e todo o biscoito.


10 - A Internet é uma coisa boa

Eis algo que é difícil de se admitir: a internet é uma merda. Claro que a internet facilita muitas coisas em nossas vidas, mas fode com uma quantidade muito maior de coisas (já falei sobre algumas delas aqui). Não sei há quanto tempo você, leitor inexistente, usa a internet, mas eu, que já carrego ao menos uns 12 anos nas costas, posso afirmar com toda a certeza que a internet é algo ruim. Útil, mas ainda sim ruim, e quando as máquinas tomarem o mundo, vocês verão que tenho razão.


11 - Você vai se orgulhar das coisas que fez quando for mais velho

Você pode rir, pode chorar, pode se envergonhar, pode achar idiota, pode gostar, pode querer repetir e pode querer morrer, mas orgulho é algo que não se tem em relação à maioria das coisas que se faz durante uma vida. Uma das principais coisas que a vivência ensina é que quanto mais coisas você fez, de mais coisas você vai querer esquecer, portanto, seja uma boa criança e tenha amnésia.


12 - Ônibus é um bom meio de transporte

O resumo de outra vida.

Deixem eu lhes ensinar uma coisa: tem coisas que foram inventadas com um propósito bom, decente, mas que com o passar do tempo foram corrompidas pelo ser humano. Uma dessas coisas são os transportes coletivos (e apesar de esta frase fazer sentido, tenho certeza absoluta que está gramaticalmente errada), que aos poucos passaram de "uma ideia genial" para "o inferno na terra". Mas o legal disso tudo é que se paga mais caro para ficar espremido do que se pagavam para ficar sentado com tranquilidade


13 - Tudo vai melhorar

Pois é. 

Não estou me referindo ao fim do mundo ano que vem, mas sim à "tudo", literalmente "tudo". Sabem aquela história de "pensamento positivo ajuda"? Pois é, o pensamento positivo só TE ajuda, mas não muda porra nenhuma em relação aos fatos (ou supostos fatos).

Quando alguém diz que as coisas vão melhorar, ela está mentindo: o único conforto é que essa mentira é, na maioria das vezes, inconsciente. De forma bem direta e sincera, a porra toda vai piorar MUITO, para depois deixar de existir e o ciclo todo recomeçar. Resumindo: nada melhora, só acontece de novo sem que nós saibamos (afinal, todos morremos ao final do ciclo).


Minha conclusão

Cambaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaadddddaaaaaaaaaaaaaaaaa!!!!!!!!!!!! Nem acredito que terminei este post... fiquei feliz de escrever "Minha conclusão", afinal, faz praticamente um mês que não tem post nenhum aqui (hoje é dia 9/2... são 3:01 da matina)... realmente vergonhoso da minha parte... eram para ter 8 posts nesse tempo. Mas prometo que vou voltar a postar com regularidade por aqui... sério.

Porém já aviso logo de cara que o bloqueio para escrever ainda está na ativa... sei lá quanto tempo isso vai durar, mas precisa acabar rápido... o foda é que foram as férias que deram início a isso... isso que dá eu ser vagabundo. O post de hoje demorou quase que duas semanas para ser escrito, para total desilusão da Gabriela, a segunda pessoa a se dar ao trabalho de fingir ser leitora disso aqui... mas relaxe, Negão, você sempre será o número 1.

Mentir é algo normal na vida das pessoas. Irônicamente, seus pais te ensinam a não mentir, mentindo e sendo hipócritas, o que só comprova que seus pais na verdade querem é que você se foda na vida e seja uma pessoa ruim: chupem aí, puritanos. 

Mentir é algo quase que necessário para sobreviver (e por consequência, para viver também) nos dias de hoje. Pretendo, mais para frente (com data indefinida - só para ficar claro), fazer um post sobre a mentira em si (e que me toco agora que deveria ter feito esse post antes deste aqui) e até, quem sabe, ensinando vocês burros-que-dão-risada a mentirem com o mínimo de dignidade e competência. Mas é isso aí, fiquem com esta música foda como pedido de desculpas oficial:


See ya (e sim, eu estava com saudade de dizer isso)!!!
Related Posts with Thumbnails

0 comentários: Aquela ,Ein ,Ein!, Eu, blog ,opinião ,internet, 1 ,2 ,3 ,4 ,5 ,6 ,7 ,8 ,9 ,0 ,top ,x ,coisas ,vê ,isso ,links ,semana ,post , contos ,de ,duendes ,até ,quando ,acordes , aviso ,acorde ,vícios ,matinais ,porquês ,e ,afins ,vida

Postar um comentário