domingo, 17 de abril de 2011

Reuniões de família e a Máfia das Academias

 Aaaaew cambaaaadaa!!!

É, eu sei, os dias de postagem estão completamente fora de controle... entre postar no Bacon e no Crepúsculo o blog fica meio que jogado, infelizmente (é, estou sendo bonzinho comigo mesmo). Nem sei quando acertarei isso, afinal minha vontade e inspiração para fazer os posts está praticamente em coma, mas até lá fica aí o pedido de desculpas... às vezes acho que eu devia me internar por falar com gente que não existe... enfim, o post atual está nesses 2 primeiros subtópicos desde o dia 3/4 (com o ínicio de um terceiro que retirei do texto)... vejamos o que dá.

E olhem que inédito aqui no blog: tenho 2 (DUAS!) ideias para o post de hoje e não sei qual escolher!!! Eu sou um merda mesmo... mas enfim, o que importa é que tem post... cedo ou tarde... enquanto eu escolho, fiquem aí com uma música foda:


E já escolhi o tema do post!!!!!!!!!

Simbora!!!


Reuniões de família

Ahhh, família, a coisa que você mais odeia e mais ama em todo mundo. Não sei vocês, mas minha família é enorme: tenho até primos de sexto grau (que eu sei, mas tenho certeza que passa disso) e, quase que obviamente, não conheço nem um terço deles. Como em toda família grande, sempre tem alguém pronto para ter a maravilhosa ideia de juntar todo mundo sob algum pretexto na linha de "mas faz tanto tempo...!".

E é assim que surgem as famigeradas "reuniões de família". Reunião de família é quando alguém resolve juntar todo mundo que não se vê há anos de uma vez só. São nas reuniões de família que você ouve (sem exceções) coisas como "como você cresceu!!", "olha como tá grande!", "e aí, tá namorando?", "como assim você não come salada?!" e "e quando você vai pro exército?". Sem falar, é claro, na odiosa piada do pavê (a qual eu me recuso a colocar aqui) e a ainda mais odiosa "lembra de mim? Eu te vi quando você era bebezinho!".

NÃO, MINHA SENHORA, EU NÃO LEMBRO.

É realmente incrível como seus tios são os principais geradores de piadas ruins e perguntas cretinas. Sem falar que são eles que vão, inevitavelmente, descobrir você tentando se esgueirar para o meio da galera sem ser percebido. Não negue, eu sei que você já fez isso.

Não sei quanto à família de vocês, mas meus tios-avôs são o que eu chamo de "velhos de guerra": são aqueles caras que tem o triplo da sua idade de experiência no truco. Toda reunião de família aqui rola truco no melhor estilo oldschool: "6 MARRECO!!!!!!!!!!", "DESCE PATOOO!!!!!!!!!!!!!" e "TRUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUCOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO", todos seguidos de pancadas na mesa, é claro.

Outro fato digno de nota, é que as reuniões de família tem apenas dois tipos de comida: churrasco ou macarronada. Não existe arroz, feijão e peixe, só carnes gordurosas preparadas na grelha e macarronada com molho e pimenta. Outro clássico das reuniões de família aqui em casa é a costela recheada... morram de inveja.

Mas enfim, reunião de família é quando você vê gente que não vê faz tempo, ouve coisas idiotas e perguntas cretinas, "fazer a social" e comer. Reunião de família pode ser foda ou pode ser uma merda, só vai depender da sua boa vontade e de quanto você gosta de ouvir as mesmas histórias da reunião de família anterior.


Culpa de cu é rola ou A Máfia das Academias

Não entendo as pessoas que ficam com culpa de comer. Quero dizer, se você tem anorexia tá beleza, afinal você é doente (nos mais variados sentidos) e merece morrer num deserto de sal, mas tem quem sinta culpa "por nada". Porra, comer é uma das coisas mais legais do mundo (em ambos os sentidos), seria como sentir culpa de, sei lá, ter um blog.

Quem acompanha o blog há algum tempo (porra, estava com saudades de dizer isso) sabe que eu sou um gordo feliz (principalmente quando tem costela recheada) e que acho totalmente idiotice alguém querer culpar a comida por sua vida de merda, afinal, bife nenhum pula na sua boca e se joga garganta abaixo... tirando os salmões com os ursos pardos:

 Mas o ponto aqui é: depois daquela reunião de família, com a comida caprichada (já repararam que sempre tem salada de batatas nas reuniões de família?) e tudo mais, MUITA gente se sente culpada por ter comido tanto, vai para o que eu chamo de "inferno na Terra" ou de "essa porra": a academia.

Todo mundo já ouviu falar centenas de coisas sobre academia e lhes garanto, nós, gordos felizes e sem culpa, odiamos academia. Claro que não estamos sozinhos nisso, mas os magros costumam dizer que academia é legal. Legal É O CARALHO, academia é mais chato que missa de domingo.

Mas estou aqui por um motivo mais nobre: fui aos locais mais perigosos do país, segui rotas suspeitas e fiquei em cativeiro por dias, mas descobri tudo, e vou lhes contar. Os próximos parágrafos são o resultado de meses de trabalho e dedicação, mas devo previni-los: depois deste ponto não há mais volta, então leiam por suas próprias contas e riscos.

Qualquer um que já tenha entrado numa academia se deparou com uma cena totalmente bizzara: os instrutores (ou seja lá como os chamem). Meus caros, NINGUÉM normal está FELIZ por ter que trabalhar fazendo exercícios de manhã até a tarde, NINGUÉM.

Não sei o que esses caras (ou essas caras) tomam, mas não é coisa boa. Pensem comigo: Quem, em todo universo, consegue falar aquelas maravilhosas frases de suporte ("Só mais 10 minutinhos!" me alegra muito, pode ter certeza) por OITO horas seguidas e achar que isso é normal?

Minhas investigações me levaram à concluir 3 coisas: a máfia das academias recebe dinheiro do tráfico, suplementos energéticos são cocaína misturada com shakes de emagrecimento (que tem gosto de farinha, aliás) e que não usam o álcool só para "limpar" os equipamentos. Aliás, as investigações também revelaram que aquilo não é simplesmente álcool. Não, meus caros, aqui lá é uma mistura de álcool, hormônios, suor e, em alguns casos, flavorizante de baunilha. Não consegui chegar à uma conclusão 100% certa, mas pelo que vi, tal mistura é para viciar pobres coitados na academia.

Além da adulteração do álcool de limpeza, minha investigação chegou no que chamei de "Máfia das Academias" (como deu para notar alí em cima). É um esquema bem simples: as maiores academias das principais cidades do país se reuniram e criaram um grupo de distribuição de álcool adulterado e os já mencionados suplementos energéticos. Essas academias fazem a distribuição para o país todo, num sistema "pirâmide", parecido com o da Herbalife (já falo sobre isso), fazendo com que o número de vítimas aumente a cada dia.

Além da adulteração dos produtos, também há o treinamento dos instrutores (que, como vocês podem imaginar, é totalmente doentio e cruel) e a principal fonte de vítimas: a constante lavagem cerebral. Aquele monte de posters (ou seria "posteres"?), promoções, cartazes com 8148916510 tipos de artes marciais, a estratégia de colocar as esteiras na parte da frente da academia (é para fazer de conta que correr sem sair do lugar é divertido) e principalmente a influência que os já viciados exercem sobre as pessoas livres.

A maior de todas as armas é, sem sombra de dúvidas o argumento que o corpo, durante e depois de um exercício físco, libera hormônios de prazer. É TUDO MENTIRA. Quando alguém faz exercício físico, essa pessoa fica CANSADA, não feliz ou mais disposta. Qualquer um com o mínimo de inteligência sabe que correr por uma hora te faz ficar ofegante e suado, e não feliz e entusiasmado.

Já notaram que os instrutores de academia não suam? É o resultado de litros e mais litros de hormônios, aditivos, energéticos e sei lá mais o que. Não tenho total certeza, mas creio que eles também não piscam... averiguarei.

Academias são do mal, caros leitores imaginários, fiquem longe delas e terão uma vida longa e saudável. Infelizmente, uma vez viciado, sempre viciado e a Máfia é grande e poderosa... agora preste muita atenção: se você leu até aqui, você sabe demais, tranque portas e janelas, instale câmeras de segurança e ande sempre armado. Esta mensagem não se destruirá em 10 segundos.


Herbalife e um estudo sobre a composição de uma academia

Como vocês devem saber, a Herbalife é uma multinacional fundada nos anos 80 com uma única função (a qual vem tendo ótimos resultados): dominar o mundo. Em minhas pesquisas acerca da Máfia das Academias, descobri que esta é financiada por duas seitas: do tráfico de drogas e armas e do sistema pirâmide da Herbalife.

O tráfico de drogas e armas tem interesse no negócio das academias pois quanto mais academias "licenciadas", mais gente terá o cérebro no tríceps, o que possibilita um aumento na quantidade de consumidores de drogas e clientes querendo comprar armas: uma vez que nenhum daqueles músculos é real, o que cria a necessidade de uma arma para ganhar uma briga entre pitboys... o que? Você realmente acha que silicone, shakes e bombas fazem alguém ficar forte?

Já a Herbalife tem uma ligação muito mais direta com a Máfia das Academias: é ela a produtora dos shakes de emagrecimento que serão misturadas com cocaína para formarem coisas assim:

Mas é claro que um investimento tão grande conta com muitos outros produtos, sendo a maioria deles da própria Herbalife, mas com nome diferente:

Além de ser a responsável pelos shakes (tanto os vendidos diretamente para o consumidor quanto os vendidos para a Máfia), a Herbalife é a produtora e distribuidora de barras de cereais, remédios, cremes e, obviamente, os mais diferentes tipos de bombas, como essa:

Acredite, eles precisam.

Tais produtos tem os mais variados tipos e efeitos, os cremes, por exemplo, são para tamparem os enormes ematomas provindos das várias injeções nos braços e do estouro de tendões, enquanto as barras de cereais (que não tem cereais de verdade) são as responsáveis por manter o vício nos shakes e nos suplementos vitamínicos, proteicos e todo o resto.

Como eu já disse, a Herbalife trabalha num sistema pirâmide, que correndo enorme risco consegui obter por modos que não devem ser descritos. Abaixo vocês verão o sistema que consegui copiar, junto com informações que consegui obter no período em que fiquei na Sede. Obviamente não consegui todas as informações, e adaptei o infográfico abaixo, mas o sistema é basicamente esse:

Não consegui demais informações (além das que já passei aqui), mas consegui uma cópia da organização, manutenção e da estruturação de uma academia "standard". Não sei com qual intençãos a Herbalife tem tais projetos, mas os relatarei em seguida.

as
A academia é dividida em duas partes, podendo ter três ou até quatro: as duas primeiras são os aparelhos e a parte do check-in. Na parte dos aparelhos é onde ficam (obviamente) todos os aparelhos, os pesos, tapetes e quaisquer outros materiais responsáveis pela bundificação do cérebro e empredrificação dos músculos. Já a parte do check-in é onde ocorre o miliciamento de novas vítimas, debates entre vítimas antigas, ofertas de shakes, vitaminas, bombas, etc. e o pagamento da academia.

As partes três e quatro são (não necessariamente nesta ordem) a de check-up, na qual rola a comparação entre vítimas e bandidos, para ver qual está mais empedrificado e bundificado, e a parte de recuperação, na qual há o estoque dos já mencionados "aditivos", bem como água (obviamente adulterada), bananas e o comércio de outras substâncias.



A parte principal é, obviamente, a dos equipamentos, que tem uma distribuição própria: na frente da academia ficam as esteiras, para fazer de conta que correr sem sair do lugar não é inútil. Em seguida vem equipamentos que tem onde sentar e/ou deitar (não vou me dar ao trabalho de ficar colocando nomes aqui, até porque todo mundo chama de "aquele alí porra"). Depois vem todos os aparelhos quem incluem pesos segurados por cordas (não vou me dar ao trabalho de ficar colocando nomes aqui, até porque todo mundo chama de "aquele alí porra") e por fim aparelhos que incluem qualquer tipo de barras, junto com os pesos individuais e demais equipamentos (esteiras "normais", colchões, etc).

A parte do check-in é dividida em duas: o balcão de atendimento (onde é feita o aliciamento e o pagamento) e o balcão de vendas, que possui uma maravilhosa paisagem de potes coloridos (já reparou que todos aqueles complementos tem alguma parte que brilha?), bem como luvas, munhequeiras, squeezer e demais acessórios. Na de check-up há espelhos (MUITOS espelhos), bem como aqueles corrimãos, iguais os da aula de balé (para permitir uma levantade de perna sem que o peso dos bíceps tombem a pessoa) e alguns pesos, por pura decoração.

Por fim, tem a parte de recuperação, em que há bancos e/ou cadeiras, água (novamente, água adulterada com hormônios), pés de banana nanica (heh), agulhas, tripas de mico, toalhas, álcool em gel e mais alguns espelhos, porque, vocês sabem, tem que confirmar quem é mais foda.

Eis todas as informações que consegui obter sobre o assunto, junto com fotos de uma academia que não estava dentro dos padrões esperados. Antes:

E depois:

Mais alguma pergunta?


Algumas verdades sobre a família e as academias

Não consegui determinar com muita segurança até onde os braços da Máfia alcançam, nem toda a extensão da Herbalife e muito menos qual a influência individual de ambas, das academias e o número de vítimas, bem como o número de agentes, mas agora que tudo veio à tona creio que as coisas mudarão um pouco.

Dentre as muitas coisas que podem fazer com que você seja uma vítima, a família é, definitivamente, uma das principais: se a opinião da sua família conta para você, e a sua família lhe diz coisas como "precisa emagrecer" ou "vamos comigo", as chances de você se foder são incrivelmente altas. Claro que na maioria dos a família não sabe realmente o mal que está fazendo (até agora), e lhe dá tais conselhos por se preocupar com você.

Meus caros, uma das piores coisas que pode acontecer com você é que sua família se importe. Porque? Simples: inevitavelmente eles irão foder com a sua vida, seja intencionalmente ou não. Sabe quando seus pais te dizem que querem seu bem e te proibem de beber cerveja? Pois é, eles estão certos, mas o único jeito de você aprender é se fodendo com a ressaca do dia seguinte (a menos que você beba o suficiente para não se lembrar da ressaca, claro).

A questão é que é um ciclo vicioso: sua avó faz a melhor comida existe, aí você engorda, aí sua família te diz para começar a ir numa academia, aí você se fode, aí sua avó faz seu prato favorito para te recompensar e para pedir desculpa pela burrice da família.

O que eu quero provar aqui é que, de um jeito ou de outro, algo vai dar errado... inevitavelmente. Sua família e a academia são a cruz e a espada (ou ao contrário, como quiser): a espada só te corta porque você não quer ser crucificado e a cruz só te crucifica você não ter ser cortado... e se você não escolher, você será cortado e crucificado pedaço por pedaço... acho que provei meu ponto.


Minha conclusão

Cambaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaadaaaaaaaaaaaa!!!!!!!!!!! Final de um post que eu acho que tá uma merda... mas vai assim mesmo, afinal, já fiz piores e esse blog está vazio demais. Mas vou tentar melhorar isso:



Melhor agora...?

Sua família provavelmente é a pior e a melhor coisa que pode te acontecer, e isso, claro, depende de muitas coisas. A questão é como você reage à ela e como ela te trata (sim, mais um ciclo): sua família pode te salvar e te ajudar em muitas coisas, mas pode foder sua vida de forma incrivelmente próxima da perfeição. Sua família é a primeira que vai te falar para ir para a academia e a primeira que irá falar que a academia está te fazendo mal (isso normalmente ocorre quando você está com bulemia e subnutrido, mas isso não vem ao caso).

Academias são coisas criadas com duas intenções bem simples: foder com a vida do maior número de pessoas possível e, como não poderia deixar de ser, dinheiro, mas a primeira intenção é a principal. Instrutores de academia, empresas como a Herbalife e fisiculturistas existem com a única função de te jogarem num inferno terreno, para depois apontar para você, rirem e jogarem shakes, barrinhas de cereais, bananas nanicas e álcool em gel de milênio em milênio... e gasolina, se possível.

Apesar de ter muitos dados e informações, minha investigações ficaram incompletas, mas como a Máfia e a Herbalife sabem que tiveram suas seguranças quebradas, o momento não é propício para mais investigações... quando os ânimos acalmarem volto com mais notícias e informações... isso se não me pegarem primeiro (sim, eu sei que vocês estão torcendo por eles).

E é isso... 00:26 de 17/4... não sei como acabar o post... mas quem liga? Mal tem posts aqui mesmo (eu realmente quero acertar isso... acreditem vocês ou não, eu gosto de escrever para gente imaginária).

See ya!
Related Posts with Thumbnails

0 comentários: Aquela ,Ein ,Ein!, Eu, blog ,opinião ,internet, 1 ,2 ,3 ,4 ,5 ,6 ,7 ,8 ,9 ,0 ,top ,x ,coisas ,vê ,isso ,links ,semana ,post , contos ,de ,duendes ,até ,quando ,acordes , aviso ,acorde ,vícios ,matinais ,porquês ,e ,afins ,vida

Postar um comentário