sábado, 18 de junho de 2011

Vícios Matinais: Fishin' for Woos do Bowling for Soup

 Aaaaaaaaaaaaeeewwwwwwwwwww cambaaaaaaaaddddddaaaaaa!!!!!!

Sendo hoje quinta-feira, pode-se dizer que essa é uma semana atípica, e assim é por dois motivos: não passarei metade do meu fim de semana escrevendo um post e, ao menos neste post, a Vícios Matinais terá a mesma cara que foi criada para ter.

Agora, mudando de assunto, vejo o quanto as coisas estão sem graça aqui no blog, faz um bom tempo que não tenho nenhum recado para dar... datas, avisos, indicações... feliz ou infelizmente, é assim que as coisas estão, e a melhor coisa a se fazer agora é ignorar isso e postar uma foto completamente irrelevante:

 Mas sem mais demoras, ao post!

Vamulá!


Bowling for Soup

Bem, a coisa toda começou em 1994 e é um mistura de pop punk com algum outro estilo que eu não sei classificar. A banda conta (na ordem da foto) com Chris Burney (guitarrista), Gary Wiseman (o baterista), Jaret Reddick (vocalista) e Erik Chandler (baixista, como vocês já sabiam).

Já são 11 álbuns e as principais músicas são Almost, High School Never Ends, Girl All the Bad Guys Want, 1985 e Punk Rock 101. Pessoalmente gosto pra caralho da banda, já ouvi quase todos os álbuns (todos desde 1998), e está na hora de colocar um pouco de bom gosto na cabeça de vocês... aliás, talvez eu faça um post sobre a banda lá no Bacon e aviso aqui (assim terei algum recado para dar).


Fishin' for Woos

O álbum foi lançado em 26 de Abril deste ano e tem 12 músicas, mais 3 faixas bônus que não estão no álbum. Enfim, falarei de todas elas, além da conclusão que vocês já conhecem: média, considerações finais e tudo mais.


Let's Pretend We're Not in Love


Sempre gostei das letras da banda, até mesmo das que mal tem letra...

Gosto dessa primeira música: simples, fácil e criativa. A letra é foda e me impressiona pelo tamanho, mesmo não parecendo ser grande. Dou 8 para esse começo só porque sei que tem músicas melhores mais para frente.


Girls in America


Gosto da música, de como ela soa e tals, mas sou obrigado a discordar dela, não só pela letra "pobre", mas porque as brasileiras são as melhores do mundo, e são ainda melhores se comparadas com as americanas (que são sem graça pra caralho), ou seja ais um 8 aqui.


S-S-S-Saturday

Outra com letra pobre (ainda mais que a anterior), mas soa melhor que Girls in America. Antes de começar a escrever este subtópico gostava mais dessa música... deve ser um tanto quanto frustrante ser crítico musical.

Nota 6 porque estou bonzinho hoje e porque concordo plenamente com a (pouca) letra da música.


What About Us


Sempre que vejo o nome da música lembro da do Michael Jackson:


Enfim, curto pra caralho o refrão dessa música, e a letra é boa também. É aquele tipo de música que você esquece com facilidade que existe, mas sempre que lembra dela gosta da escutá-la. Acho um 7 justo aqui, meio que sem motivo para não ser um 8 ou um 6.


Here's Your Freakin' Song


Adoro o nome e a introdução dessa música, sem falar que a letra é um bom resumo de muita gente que eu conheço. É uma das minhas favoritas do álbum, valendo um 9 pela letra e principalmente pelas partes faladas... o que o álcool não faz.


This Ain't My Day


A letra mal faz algum sentido, mas gosto da parte antes do refrão... na verdade, nem sei porque gosto dessa música, mas gosto: 8 muito bem merecido.


Smiley Face (It's All Good)


Tenho certeza total e absoluta que a música foi feita para as mulheres dos membros da banda, afinal, para quem mais você diria "Por que nós apenas ficamos pelados?". Outra com letra excelente, uma das melhores do álbum também. Mais um 9 aqui.


Turbulence


Eis que chegamos ao carro chefe do álbum (ao menos em teoria): até coloquei a música no último post.

É, obviamente, a música mais séria do álbum e tem a melhor letra. Curto bastante os dois primeiros versos do refrão e o carro do clipe é foda, mas apesar disso tudo e da nota ser 10, não é minha favorita... sei lá, meio que quebrou o andamento do álbum (que diga-se de passagem, não é um daqueles que tem meio que uma linha cronológica). A música conta com a participação do Gabriel Mann da banda The Rescues (Sim, o maluco dos 1:26), aliás, procurem a banda no Google, a vocalista é boa


I’ve Never Done Anything Like This


Sinceramente, nem sei o que falar sobre essa música, então direi que vai chover e darei a nota. 
Tá meio nublado aqui hoje (quinta-feira), e como não tem vento, devo chover à noite. A música tem a participação de Kay Hanley e recebe um 7.


Friends Chicks Guitars



É uma das mais fracas (talvez a mais fraca) do álbum: a letra só funciona na teoria, o que faz com que seja uma daquelas músicas-legais-que-você-ouviu-de-fundo-de-festa-sem-graça, ou seja, mais um 6 aqui (é, estou realmente bonzinho hoje).


Guard My Heart



Não gosto muito dessa música: apesar de a letra ser boa (não tão boa, mas é boa) e de soar bem (na maioria do tempo), não vou com a cara dela, então darei um 5, mesmo achando que ela é melhor que Friends Chicks Guitars (e não questionem essa lógica).


Graduation Trip 



A última música tem melhor letra do álbum e é uma das melhores também, ou seja, outro 10 aqui. De propósito ou não, todas as músicas que tem letra melhor tem uma parte musical mais fraca, e isso seria até bom caso não fosse tão usado, mas nada que tire o mérito da música.


Dear Megan Fox



A partir desta, todas são faixas bônus presentes em algumas versões do álbum.

Já falei bastante sobre a Megan Fox aqui, então não me prolongarei: sou totalmente indiferente em relação à essa música, então, dou 5. 


Evil All Over the World



Gostei da letra, mas gostei mais da parte tocada, que talvez seja a melhor de todo o álbum, soa bem mais com os álbuns mais recentes. Nota 7.


My Girlfriend's an Alcoholic



Uma das melhores do álbum e que deveria estar entre as 12 e não como bônus. É bem do estilo "clássico" da banda e tudo mais: nota 10, não só pela letra mas pelo solo perto do final.


Minha conclusão

Fishin' for Woos é um bom álbum, mas passa longe de ser melhor deles (que é o cargo de The Great Burrito Extortion Case). Falei bem pouco da parte musical deles porque, de forma geral, é naquele estilo pop punk normal (bem executado, mas nada que seja realmente digno de nota), e como disse no meio do post, músicas com letras fracas tendem a ter uma parte musical, o que não deixa de ser um relaxo, afinal, se letra e música forem boas, uma não apaga a outra.

Não tenho uma grande favorita neste álbum, apesar de ter dado três 10 (Graduation Trip, Turbulence e My Girlfriend's an Alcoholic). Para não passar em branco quais minhas preferidas (independente das notas), escolhoLet's Pretend We're Not in Love, Here's Your Freakin' Song e Smiley Face (It's All Good), não necessariamente nessa ordem. De forma resumida, gostei do álbum, mas nada se sobresai, nem por ser muito ruim e nem por ser muito bom.

A média final do álbum (contanto as músicas bônus) é 8, nota que está boa, apesar que se fosse para dar nota para o álbum todo, daria 7 (não que o que eu esteja falando agora faça sentido). Apesar de notas baixas (os vários "5") e da total falta de uma "cronologia" do álbum, este vale à pena ser ouvido, mas não apenas as 12 músicas oficiais como também as músicas bônus, sendo My Girlfriend's an Alcoholic o que eu chamaria de "grande destaque" para quem já conhece a banda.

Mas é isso aí cambada, final de post, numa quinta-feira, antes das 4 da manhã (são 17:52) é praticamente um milagre. Se rolar o post sobre BFS lá no Bacon, aviso no post, e um último recado: vejam os clips da bandas, costumam ser divertidos.

See ya!
Related Posts with Thumbnails

0 comentários: Aquela ,Ein ,Ein!, Eu, blog ,opinião ,internet, 1 ,2 ,3 ,4 ,5 ,6 ,7 ,8 ,9 ,0 ,top ,x ,coisas ,vê ,isso ,links ,semana ,post , contos ,de ,duendes ,até ,quando ,acordes , aviso ,acorde ,vícios ,matinais ,porquês ,e ,afins ,vida

Postar um comentário