quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Era do quê mesmo?

O ano que começou com uma limpeza no computador, agora termina em outra: É fato conhecido que, após a primeira formatação, a segunda vem em muito menos tempo, e assim por diante.

Daqueles dias de Fevereiro sobreviveram algumas coisas: o IZArc continua, tal qual o Sumatra. Por algum motivo o Windows decidiu parar de receber atualizações na metade do ano, e em Dezembro comecei a notar que os vírus, malwares e adwares se instalaram de vez. Tentei, por horas e horas a fio, por vários dias, tentar consertar o problema, mas nada feito: Formatação... Linux. Solus, Arch, Mint, Lubuntu, Ubuntu e de volta para o Windows 7. Uma formatação após a outra, com cada sistema operacional: Teria ficado feliz com o Mint ou mesmo o Ubuntu, mas a incompatibilidade de alguns programas e periféricos me forçou de volta à Microsoft.

Não faz mal. Ganhei um pouco de experiência na coisa, e agora, tendo experimentado realmente o outro lado da história, só me fez querer ainda mais fazer a troca. Até os papéis de parede são melhores.

Enquanto escrevo estas linhas, termino de colocar de volta os programas que tinha antes. Estou usando outro antivírus. De backup apenas o que tinha antes da formatação, que ainda preciso ver, organizar e limpar, para ter novamente o mínimo de coisa no computador: 20 giga em uma questão de 10 meses. E isso porque me comprometi a coletar menos porcaria.

Sendo dia 29, às 18:08 da tarde, é meio estranho falar sobre o final do ano. Normalmente fazia isso, aqui no blog, no dia 31... ou, mais recentemente, não faria.

Falando em mudanças, 2016 ganhou certa fama ein? Na época do post anterior Bowie e Alan Rickman já tinham morrido, mas quem diria que era apenas o começo? E, de novo, escrevo isto à dois dias do fim do ano, ainda dá tempo pra muito atentado, crise e morte.

Ainda no mesmo tópico, sempre que entro aqui me lembro de quanta coisa mudou. A começar  pelo plano de fundo, que vira e mexe eu mudo e, depois de um tempo, acho horrível também. Tem também a barra lateral, o cabeçalho, rodapé... tantos widgets, atalhos, listas, scripts e gadgets que simplesmente não funcionam mais; até os peixes não tão mais lá! E o banner precisa urgentemente de uma mudança também.

Não tenho assunto pra hoje, esta é a verdade... só tive vontade de escrever aqui. E como nada me impede, vocês, caros leitores imaginários, ganham estas palavras completamente inúteis, para encerrar de forma redundante este ano.

2016 foi... estranho. Diferente. Não exatamente "bom". Mas ainda dá tempo das coisas melhorarem. Ou piorarem. E 2017 é um ano novo.

Feliz Ano Novo.

See ya!
Related Posts with Thumbnails

0 comentários: Aquela ,Ein ,Ein!, Eu, blog ,opinião ,internet, 1 ,2 ,3 ,4 ,5 ,6 ,7 ,8 ,9 ,0 ,top ,x ,coisas ,vê ,isso ,links ,semana ,post , contos ,de ,duendes ,até ,quando ,acordes , aviso ,acorde ,vícios ,matinais ,porquês ,e ,afins ,vida

Postar um comentário